5 Dicas excelentes: Como ajudar meu filho a tocar um instrumento?

Inscreva-se para saber dos novos conteúdos, assim que sejam publicados.

Compartilhe este Post:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no twitter
Compartilhar no email

Sabe quando uma criança não dá bola pra um determinado objeto, mas quando outra pessoa o pega, aquele objeto automaticamente se torna o seu sonho de consumo? Em adultos poderíamos simplesmente chamar isso de inveja ou ciúmes, mas a criança manifesta tal comportamento porque ainda não desenvolveu plenamente o seu senso de individualidade, e se espelha no outro para construir sua auto imagem. Este mecanismo é o que explica o poder do exemplo e da presença dos pais na vida das crianças.

pai-e-filha-com-violao-como-ajudar-meu-filho

Eu sempre procuro mostrar aos pais e mães de meus alunos que a presença deles no momento de treinar é muito importante. As crianças apresentam de fato maior rendimento ao terem estes bons exemplos para seguir, mas não apenas isso. Também cresce a motivação em relação ao que está sendo aprendido. É criado um senso de desafio e de pertencimento.

Respondo abaixo dois questionamentos comumente trazidos pelos pais quando abordo esta questão:

1- Como ajudar meu filho, se eu não sei tocar violão?

Nada que a criança aprende na minha aula é tão difícil que um adulto não possa aprender com bastante facilidade, muitas vezes sem sequer perceber que está aprendendo.

2- Isso não seria ir contra o desenvolvimento da independência dele?

O grande propósito da educação é não apenas aprender a matéria que é ensinada, mas sobretudo aprender a aprender. Os pais são os principais educadores, e podem ensinar ao filho maneiras de organizarem seu espaço, seu tempo, assim como assumirem compromissos. Não se trata de entregar o peixe, mas de ensinar a pescar, mostrando pelo exemplo, e não apenas falando. Crianças que apenas recebem muitas ordens se acostumam a ser desobedientes, pois na falta de exemplos e no excesso de ordens, na verdade estarão apenas espelhando o exemplo omisso dos seus superiores, sendo igualmente destreinados para realizar o que é pregado (e não praticado) em casa.

Como ajudar meu filho? 5 respostas abaixo:

1- Crie um cronograma de início para cada atividade, mas não de término.

  • Sem pressão pra continuar tocando. Ordem no horário de começar, flexibilidade pra terminar.

2- Faça parecer ideia dele(a).

  • Torne a atividade uma recompensa e não deixe tocar violão se não tiver terminado a janta, por exemplo. Coloque esta atividade no topo da prioridade da criança, e não na sua. Assim a criança toma para si o objetivo de tocar.

3- Toque alguma coisa no violão.

  • Seja pedindo pra criança te ensinar, aprendendo sozinho, ou relembrando alguns acordes aprendidos no passado, se você tocar, fará do violão um objeto de desejo.

4- Mostre vídeos de pessoas tocando, vá a apresentações e shows.

  • É divertido e educativo para todos. Mesmo aprendendo as primeiras notas, a criança precisa desse estímulo, porque também tem um senso de conquista, de fantasiar que algum dia poderá subir em um palco.

5- Não fique assediando a criança com esse assunto. 

  • Daí a necessidade de ordem no horário. É bom ter a hora certa pra tudo. O fanatismo afasta as pessoas, e pais muito fissurados podem gerar traumas e resistência nas crianças.

 

Pais/mães: os melhores assistentes

a-procura-da-felicidade-como-ajudar-meu-filho

Em uma das escolas em que trabalhei como professor de violão, adquiri o hábito de convidar as mamães para entrarem na minha sala e aprenderem violão junto com o(a) filho(a). Mas, ao invés de dizer que o motivo era esse, eu simplesmente convidada, para que o trabalho realizado fosse bem compreendido e acompanhado.

Acontece que, num dado momento, eu dizia: Mamãe, me ajude aqui com uma coisa. E ensinava rapidamente aquilo que o meu aluno estava aprendendo. O mais legal é que a maioria achava tão fácil que nem percebia que estava aprendendo alguma coisa. E de repente eu tinha na minha frente a melhor assistente possível. A pessoa com a maior capacidade de se comunicar com o meu aluno, e que seria, dali em diante capaz de realmente auxiliar no treino do violão em casa.

Deixe seu comentário ou pergunta. O que desejo é te auxiliar.

Posts relacionados no Amigo Violão:

Você quer ser o melhor Professor de Violão que pode ser?

Veja nossos cursos:

Fechar Menu