19 partes do violão que você precisa conhecer

Inscreva-se para saber dos novos conteúdos, assim que sejam publicados.

Compartilhe este Post:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no twitter
Compartilhar no email

Antes de começar a aprender a tocar, é importante saber as partes do violão. Dessa forma, sempre que eu ou o seu professor nos referirmos a alguma destas partes, você já terá mais familiaridade. Além disso, incluímos as partes da guitarra. Tudo da forma mais detalhada que nos foi possível. Vamos conferir?!

 

Como existem diferentes tipos de violão, há variações de acordo com o tipo de modelo do instrumento (um violão com cordas de aço é construído de forma diferente a um violão de cordas de nylon), porém a estrutura básica das partes do violão é sempre a mesma.

Tratando-se de guitarras e violões, percebe-se que são parecidos na hora de tocar, mesmo sendo tão diferentes um do outro. Então é importante que o aluno saiba tanto as partes do violão quanto as partes da guitarra, dessa forma saberá o que fazer quando se deparar com cada um.

Partes do violão :

partes-do-violao1) Braço : É onde a mão esquerda (ou direita, no caso dos canhotos) fica apoiada. Serve, principalmente, para sustentar a escala (que você verá no próximo item).

2) Escala : É onde a mão “fraca” pressiona as cordas, produzindo diferentes notas.

3) Cabeça : É a extremidade de cima do violão, onde ficam as tarraxas (10).

4) Traste : Delimitam as casas, que definem as notas que serão tocadas (caso pressionadas)

5) Cordas : Uma das partes do violão mais importantes. São as cordas que permitem que o som exista, ficam distribuídas entre a ponte e a cabeça, passando pelo braço. Há 6 cordas no violão comum, sendo 3 de nylon e 3 de aço no violão de cordas de nylon, e 6 de aço no violão de cordas de aço.

6) Corpo : É ele que permite que o som das cordas ganhe volume. É o maior “membro” do violão.

7) Ponte : Onde as cordas terminam (ou começam) no corpo.

8) Boca : Permite que o som amplificado das cordas saia do instrumento.

9) Pestana (ou capotraste) : Funciona como apoio das cordas no final do braço.

10) Tarraxas : Ficam na cabeça e permitem afinar o violão.

11) Marcadores de casas (não representado) : Definem determinadas posições no braço do instrumento, auxiliando o violonista a localizar onde quer tocar.

12) Escudo (não representado) : Presente em violões com cordas de aço. Serve para proteger o corpo de palhetadas.

13) Mosaico : Desenho decorativo ao redor da boca.

14) Lateral : Parte lateral do corpo, geralmente com cor diferente do tampo.

15) Tampo : Parte de cima do corpo, onde fica a boca.

16) “Truss Rod” (estrutura interna do braço) (não representado) : Costuma ficar escondida, serve para manter o braço reto, resistindo à tensão das cordas.

17) Pinos da ponte (não representado) : Servem para manter as cordas presas à ponte (apenas em alguns violões.

18) Rastilho : Apoio das cordas na ponte, definindo a altura correta que devem estar em relação ao braço do instrumento.

19) Ligadura entre corpo e braço : É o que mantém o braço colado ao corpo (Fica em baixo do braço, junto ao corpo).

E as diferenças entre as partes do violão e da guitarra?

Existem poucas diferenças entre as partes do violão e as partes da guitarra. A estrutura básica é a mesma, o que se pode confirmar pelo formato parecido.
A guitarra apresenta algumas partes diferentes do violão, assim como o violão apresenta partes diferentes da guitarra. Quer entender melhor?

A seguir estão as partes da guitarra que não estão presentes no violão (tradicional) :

partes-do-violao-guitarra1) Abertura no corpo : Serve para facilitar o acesso às casas mais agudas do instrumento.

2) Captadores : Fica localizado abaixo das cordas, no corpo. Serve para transformar o impulso mecânico das cordas em impulsos elétricos (que posteriormente serão transformados em impulso mecânico novamente pelo amplificador). Cumpre o papel do corpo acústico do violão, que não existe na guitarra convencional.

3) Chave seletora de captadores : Serve para escolher qual/quais captadores estarão captando o som das cordas.

4) Alavanca : Também chamada de “Tremolo” (nome errado para o próposito da parte). Serve para produzir um efeito de vibrato (e não de tremolo) no som, sem ter que vibrar as cordas.

5) Ajustes de volume e tone : São ajustes que permitem controlar o volume e o tone (deixando o som mais macio ou mais estridente).

6) Suporte para correia : Serve para apoiar a correia, permitindo ao guitarrista tocar em pé.

7) Input : Entrada de cabo P10 para conectar em um amplificador de guitarra.

 

Agora que você já viu as 19 partes do violão, salve essa página no seu navegador ou imprima estas informações em uma folha. Dessa forma, sempre que eu ou qualquer um fizer uma referência ou explicar algo que envolva os nomes citados, você poderá consultar.

Assim, ao longo de algum tempo você não só saberá do nome de todas as partes do violão, como entenderá verdadeiramente a funcionalidade de cada uma.

Posts relacionados no Amigo Violão:

Você quer ser o melhor Professor de Violão que pode ser?

Veja nossos cursos:

Fechar Menu